POESIA DE ALEXANDRE FERREIRA

Aluguei esta casinha pequenina sem telhado e sem paredes... toda ela uma janela aberta ao mundo. Cada visitante que aqui vem, ao sair não se esqueça de levar o meu muito obigado, o meu abraço o meu beijo ......O meu C A R I N H O

domingo, abril 02, 2006






Lesbian

Doi saber o não ser aceite
doi na diferença de gostar
sou mulher completa sem o ser
desço rio acima, busco teu peito
busco os teus labios quando beijo
amo o femenino sou contranatura
desespero com a imagem deles
dispo-me de perconceitos, assumo
para te poder beijar amiga doce...
Mata-me, sociedade que me condena!
Mas nasci assim, sou o que sou
e nada me vai mudar. Não sou doente
caí em desgraça? até posso morrer!
Mas como sou mulher de raça, diabos
me levem se algum dia irei ceder.
Sou lesbica sim! Vá olhem bem para mim
Apontem o dedo filhos da mãe
os vosso filhos nasceram sem mácula!


Autor: Alexandre Ferreira

6 Comments:

Blogger Telma* said...

adoro-te. simplesmente por seres diferente e assumires.
beijo-te os lábios lesbica nua.

para mim. só a bissexualidade pode levar os humanos a perfeiçao

segunda abr 03, 10:08:00 da tarde WEST  
Blogger saisminerais said...

O mundo seria melhor se todos tivessem o à-vontade de expor-se assim ao mundo, assumindo.
Obrigdo pela tua doce visita
deixo aqui um beijo amiga

terça abr 04, 03:07:00 da manhã WEST  
Blogger Andreia Ramos said...

lindo demais!tocou-me bem la no fundo!tenho todo o orgulhoem ser bissexual, em amar outra pessoa do mesmo sexo!obrigada lindo!beijinho!

terça abr 04, 03:20:00 da manhã WEST  
Anonymous indigo des urtigues said...

:)

De blog em blog aqui vim parar e que bela surpresa!Gostei mt :)

terça abr 04, 09:45:00 da tarde WEST  
Anonymous indigo des urtigues said...

:)

De blog em blog aqui vim parar e que boa surpresa! Gostei mt!:)

terça abr 04, 09:46:00 da tarde WEST  
Blogger Por uma lagrima said...

Bravo!
Não tenho palavras...
Não há comentários...
Porque sou mãe
Porque fui filha
Porque vivo num País retrogrado...
admiro a tua coragem e a pureza
com que declamaste este poema

Obrigada por tudo o que me dás a ler

quinta abr 06, 06:58:00 da tarde WEST  

Enviar um comentário

SE TE AGRADA ALGUM POEMA MEU, ENTÃO DEIXA UM COMENTARIO TEU...

Links to this post:

Criar uma hiperligação

<< Home

CITADO POR ISABEL